A Anuepo – Associação do Núcleo de Enfrentamento da Pobreza foi fundada em novembro de 2003 e registrada como Organização Não Governamental sem Fins Lucrativos em janeiro de 2004. Nasceu do trabalho voluntário que Sr. Pieter vinha fazendo desde os anos de 1970 na região de Cotia, atendendo até hoje, e diretamente, famílias pobres. Como ele relata em seu livro Menos pobreza na Terra, mais alegria no Céu:

“é uma população tão carente, tão carente, tão carente de tudo, que muitas vezes nem sabe dos direitos que tem e merece. O próprio Governo Federal fala de “pobreza invisível”! Outras vezes, é gente entrevada na cama, a quem falta, além do atendimento à saúde e do medicamento, comida que lhe dê forças para ir até o posto de saúde mais próximo de onde vive ou roupas simples para poder fazê-lo. É este povo, que vê em Jesus crucificado a última esperança, de tanto que falta todo o resto, que buscamos ajudar e, assim, fazer por espalhar o amor de Deus”.

Dedicada a enfrentar a pobreza, a Anuepo trabalha principalmente em Cotia, Município de sua sede (própria), mas também vem atuando nos Municípios vizinhos de Carapicuíba e de Embu das Artes.

Embora tenha natureza cristã católica, em decorrência do perfil de fé de seu fundador e do parentesco espiritual com a irmandade Orionita, que mantém em Cotia o “Pequeno Cotolengo”, a Anuepo é entidade ecumênica por acreditar que a transversalidade do amor de Deus supera qualquer diferença entre fés e religiões.

Em 2005 a Anuepo foi declarada “Entidade de Utilidade Pública Municipal” (Cotia) e já está em andamento seu reconhecimento como “Entidade de Utilidade Pública Estadual”, na medida em que vem atuando além de seu Município de origem.